TopNews – Aqui você tem mais conteúdo! – Rui Prado destaca importância da biotecnologia para a agricultura

A Bienal dos Negócios da Agricultura Brasil Central, que acontece nos próximos dias 08 e 09 de agosto, tem entre as pautas de discussão a utilização da biotecnologia empregada nas lavouras do Centro-Oeste. O tema, que está diretamente ligado à qualidade e sustentabilidade da produção, ganhou nesta semana novos desdobramentos a fim de beneficiar o produtor rural que utiliza semente de soja transgênica.

 

De acordo com o presidente da Famato, Rui Prado, o acordo firmado esta semana entre a multinacional Monsanto e mais 47 Sindicatos Rurais contempla os produtores brasileiros e, sobretudo, revela que o setor está conversando de igual para igual com uma das maiores desenvolvedoras de tecnologia do mundo.

 

“A Monsanto concordou com o nosso pedido de não pagarmos pelos royalties vencidos e também foi aceita a devolução daquilo que já havia sido cobrado a partir do vencimento da patente. É uma grande conquista”, lembra Rui Prado ao mencionar o encerramento da ação judicial contra a multinacional referente à cobrança da tecnologia da semente Round Ready (RR1). A ação questionava o direito da empresa continuar recebendo o pagamento dos produtores, já que a patente da tecnologia venceu em 2010.

 

Com o novo pacto, os sojicultores terão descontos pelos próximos quatro anos no preço dos royalties da tecnologia empregada para soja RR2 Intacta. Os produtores, que gastariam R$ 115 por hectare para usar a tecnologia, terão um desconto de R$ 18,50 por hectare na compra da semente.

 

Em entrevista à rádio Mix FM na manhã desta quinta-feira (25.07) o presidente da Famato frisou que a biotecnologia veio para ficar. “O debate sobre a compra, venda e a utilização desta tecnologia se torna indispensável para o setor agropecuário”. Na Bienal o tema será contemplado em um dos quatro painéis e inclui discussões acerca de marcos regulatórios e questões comerciais, além do impacto da biotecnologia no meio ambiente.

 

Conceituados palestrantes conduzirão o painel “O Futuro da Biotecnologia – os desafios da biossegurança e modelos de remuneração”. Participam das discussões Marcus Vinícius Segurado Coelho, coordenador da OGM da Secretaria de Segurança de Defesa do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento do Brasil (Mapa); Francisco José Soares Neto, diretor da Associação dos Produtores de Sementes do Estado de Mato Grosso (Aprosmat) e Ricardo Tomczyk, vice-presidente da Aprosoja MT.

 

A Bienal – Organizada pelas Federações da Agricultura e Pecuária dos Estados de Mato Grosso (Famato), Mato Grosso do Sul (Famasul), Goiás (Faeg), além do Distrito Federal (Fape-DF), a Bienal acontece nos dias 08 e 09 de agosto no Cenarium Rural, em Cuiabá. A organização espera um público de 1 mil pessoas incluindo produtores rurais, pesquisadores e profissionais ligados ao agronegócio. Inscrições e mais informações no sitewww.bienaldaagricultura.com.br.

 

 

TopNews – Aqui você tem mais conteúdo! – Rui Prado destaca importância da biotecnologia para a agricultura.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s